Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





segunda-feira, 19 de junho de 2006

Serviço Social


Ações em Serviço Social



O projeto profissional contemporâneo é comprometido com a democracia o acesso universal aos direitos sociais, civis e políticos; os princípios e direitos firmados na Constituição de 1988; a legislação referente às políticas sociais; a legislação referente aos direitos da população.

O Serviço Social na Saúde procura o envolvimento do usuário enquanto sujeito de suas ações, dentro do contexto institucional da saúde. O profissional do Serviço Social, preocupa-se em realizar um atendimento social mais humanizado, aos usuários, à sua família e à comunidade em que vive incentivando-os a participarem da busca da saúde, por intermédio do conhecimento de alternativas de mudanças nas situações sociais que interferem no processo saúde/doença .

Em 1990, instituiu-se oficialmente a Coordenação de Ações em Serviço Social na Secretária Municipal de Saúde .

A Saúde é a área que mais emprega Assistentes Sociais no Brasil. Essa realidade se repete no Município de Uberlândia, através da Secretaria Municipal de Saúde sob a Coordenação de Ações em Serviço Social, onde são disponibilizados 111 (cento e onze) profissionais, atuando em 29 Equipamentos Sociais.



Competências do Serviço Social

§ Elaborar, implementar, assessorar e executar políticas nas áreas da saúde assistência, previdência, educação, habitação, crianças, adolescentes, idosos e outros.

§ Prestar orientações sociais a pessoas e grupos e a população em geral.

§ Planejar, executar e avaliar a pessoas e grupos e a população em geral.

§ Realizar visitas domiciliares e estudo sócio-econômico.