Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





terça-feira, 4 de março de 2008

Diagnóstico da Saúde

UBSFs São José e Maravilha apresentam
Diagnóstico da Saúde para a comunidade


As Unidades Básicas Saúde da Família - UBSFs dos bairros São José e Maravilha apresentaram para a comunidade, dia 29 de fevereiro, o Diagnóstico da Saúde de suas áreas de abrangências. O Diagnóstico do bairro São José foi apresentado pela enfermeira Cristiane de Sousa Pereira, e do bairro Maravilha por Wilma Xavier, ambas coordenadoras. Participaram da apresentação líderes comunitários, representantes das associações de bairros, gerentes das Escolas de Educação Infantil – EMEIs e coordenadores dos programas da Secretaria Municipal de Saúde. O Diagnóstico é um levantamento das necessidades e servirá para a elaboração de propostas e reorganização do trabalho executado pelas duas Unidades.

“Os participantes puderam compartilhar idéias e também conhecer detalhes da saúde da área coberta pelo Programa”, explicou a enfermeira Cristiane de Sousa. Atualmente, a UBSF São José atende 5488 pacientes, entre eles 51 gestantes, 533 hipertensos e 294 diabéticos. A próxima etapa de trabalho será a elaboração do planejamento estratégico para sanar ou minimizar os problemas detectados pelo Diagnóstico.

De acordo com a enfermeira coordenadora da UBSF Maravilha, Wilma Xavier, “mais que mostrar números, a apresentação serviu para fortalecer a responsabilidade do usuário por si mesmo e pela coletividade”. Entre os números apontados pelo Diagnóstico, destacam-se o atendimento a 457 hipertensos, 109 diabéticos e 40 gestantes.











Fotos Renato Cury- Comunicação em Saúde
Texto Cristina Gonçalves - Segesc