Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Estratégia restritiva

Foto: Robert Wood Johnson Medical School
Pesquisador envolvido no projeto Jeffrey L. Carson (primeiro da dir. p/ esq.), ao lado de sua equipe



Estratégia restritiva de transfusão pós-cirúrgica poupa estoque de sangue

Abordagem é segura e pode se tornar padrão de atendimento para pacientes de alto risco com doença cardiovascular

Pesquisadores da Robert Wood Johnson Medical School, nos Estados Unidos, descobriram uma nova estratégia para melhorar o tratamento pós-operatório de pacientes poupando os níveis de fornecimento de sangue, um recurso essencial que é difícil de ser mantido em quantidades necessárias ao longo do ano.

O estudo mostra que o uso de uma estratégia liberal de transfusão de sangue após a cirurgia de quadril não melhora a recuperação dos pacientes ou reduz a taxa de mortalidade, sugerindo, portanto, que utilizar uma abordagem de transfusão restritiva seria mais adequado e conservaria maior quantidade de sangue.