Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





quinta-feira, 31 de maio de 2012

Dia mundial sem tabaco


31 de maio: Dia mundial sem tabaco
Cigarro não combina com a saúde do planeta. Nem com a sua.

Basta manter um cigarro aceso para poluir o ambiente. A fumaça do cigarro contém mais de 4.700 substâncias tóxicas, incluindo arsênico, amônia, monóxido de carbono (o mesmo que sai do escapamento dos veículos), substâncias cancerígenas, além de corantes e agrotóxicos em altas concentrações. Imagine a quantidade de toxidade que várias pessoas fumando deixam no nosso Planeta. Leia mais

quarta-feira, 30 de maio de 2012

terça-feira, 29 de maio de 2012

Complexo de Atlas

Você carrega o mundo nas costas?
O "complexo de Atlas"

Você sente dores no pescoço, nas costas e parece estar constamente cansado? Os seus pensamentos estão geralmente voltados para as pessoas de seu convívio ou trabalho?

Você pode sofrer do "Complexo de Atlas". Na mitologia Grega, Altlas era um titã que foi condenado por Zeus a carregar o mundo nas costas.Prestem atenção na palavra "condenado", Atlas foi condenado. E nós, porque fazemos isso voluntariamente? Nos habituamos a cuidar da vida dos outros e com isso a nossa vida fica à mercê da própria sorte ou azar.

É comum nas pessoas que sofrem deste complexo centralizarem as coisas para si, pois simplesmente não confiam que o outro vai dar conta ou que não fariam tão bem quanto ela.
Muitas vezes, quem tem o "complexo de atlas" possui dificuldades em deixar que os outros cresçam em seu próprio ritmo e arquem com as consequências das escolhas que fazem para sua vida. Além disso, geralmente, querem direcionar a vida das pessoas à sua volta, sofrer por elas, porém, isso gera um desgaste extremo e não causa o resultado que esperado para a vida dos outros.
Agora reflita : os problemas dos demais não diminuirão porque você preocupa-se com eles. Enquanto isso, os seus problemas só aumentarão pois você não estará cuidando de si e nem de sua própria vida. Isso começará a lhe acarretar dores físicas e emocionais como ansiedade, tristeza, raiva e culpa.


Pense: O que é realmente seu? Comece a tirar o peso que colocou em suas costas e devolver ao mundo o que não lhe pertence. Retome o seu caminho com mais leveza. Reedescubra o que você gosta, o que lhe dá prazer. Confie na capacidade que as pessoas tem de cuidar da vida delas e cuide de você mesmo, só assim, estando bem você entenderá o seus limites e saberá até a melhor maneira de ajudar as pessoas à sua volta. Lembrem-se sempre que viemos ao mundo para sermos felizes, se isto não está acontecendo é porque há algo errado. Se tirar “o mundo das costas” lhe parece difícil, procure ajuda, olhe para si mesmo e busque o autocuidado.

Teresa Cristina Martins S. Miziara
Psicóloga clínica
CRP 23049/04
(34) 3083-6720

Fonte: Acolher - Espaço Terapéutico

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Diabetes

Exame distingue células beta no pâncreas para detecção precoce do diabetes

Abordagem também pode ajudar médicos a monitorar alterações que ocorrem no organismo em resposta aos tratamentos

ISaúde.net - Pesquisadores da Universidade Vanderbilt, nos Estados Unidos, desenvolveram uma nova técnica capaz de iluminar e distinguir células beta presentes no pâncreas. A abordagem pode ajudar os médicos a diagnosticar o diabetes mais cedo e monitorar alterações na massa das células beta em resposta aos tratamentos.

As células beta residem no pâncreas e segregam insulina em resposta aos picos de níveis de açúcar no sangue. Em pessoas com diabetes, elas não funcionam corretamente, e muitas vezes estão em número reduzido.

Como as células beta compõem uma pequena porcentagem do pâncreas, a distinção delas do tecido circundante por meio de aplicações de imagem é difícil.

O pesquisador Jack Virostko e seus colegas fotografaram camundongos usando tomografia por emissão de pósitrons (PET). Eles usaram radioatividade para detectar tecidos e bioluminescência para identificar células beta geneticamente modificadas que expressam luciferase, a mesma proteína que faz brilhar os vaga-lumes.

Por meio da combinação destas duas técnicas, os autores conseguiram distinguir as células beta no interior da cavidade abdominal do rato.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Depressão


Risco de depressão aumenta
na 3ª idade


Jornal Correio de Uberlândia - Pessoas com mais de 60 anos têm mais chance de sofrer de depressão, que pode estar acompanhada de outros problemas físicos. Entre os sintomas da doença estão insônia, ansiedade e isolamento social.

A doença pode ocorrer em qualquer idade, mas a incidência em pessoas com mais de 60 anos está crescendo, principalmente por causa do envelhecimento populacional. “Nessa faixa etária, muitas vezes pioram as condições de vida, além de surgirem outras enfermidades. Infelizmente, nem sempre o aumento da expectativa de vida é acompanhado do aumento da qualidade de vida”, afirmou o psiquiatra Frederico Navas Demetrio.

quarta-feira, 23 de maio de 2012

1ª Semana de Segurança



Portal da Prefeitura de Uberlândia - Como evitar acidentes com pacientes e funcionários que atuam em um ambiente hospitalar é o foco da 1ª Semana de Segurança no Cuidado à Saúde promovida pela Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), administradora do Hospital e Maternidade Municipal Dr. Odelmo Leão Carneiro, em parceria com a Prefeitura de Uberlândia. O evento conta com exposição de faixas e estandes onde são destacados diversos aspectos que interferem na segurança hospitalar, como a identificação do paciente, higienização das mãos, medicação, transfusão, material biológico e segregação de resíduos.

A iniciativa da realização da Semana é da Comissão de Gestão de Risco do Hospital Municipal, formada por representantes de diversas áreas do Hospital. O presidente da Comissão e gerente de risco do Hospital Municipal, o infectologista Thogo Lemos, disse que a prestação de cuidados à saúde tem evoluído, com aumento da sobrevida e da qualidade de vida, através de novas técnicas diagnósticas e modalidades terapêuticas.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Pesquisa: Perfil profissional

Já está no ar o site da pesquisa que vai caracterizar o perfil de enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem em todo o país, desenvolvida a partir da parceria entre a Escola Nacional de Saúde Pública (Ensp/Fiocruz), a Federação Nacional dos Enfermeiros (FNE), a Associação Brasileira de Enfermagem (Aben) e o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). O lançamento aconteceu em homenagem do Dia da Enfermagem (12/5) e possibilitará aos 60 mil profissionais participantes o preenchimento do questionário pela internet. A pesquisa foi lançada em Rondônia e os coordenadores estaduais e regionais do inquérito estarão reunidos na Ensp nos dias 23 e 24 de maio para uma oficina de capacitação.



quinta-feira, 17 de maio de 2012

Saúde Bucal



Portal da Prefeitura de Uberlândia - Uberlândia está entre os municípios que participa do “Projeto SB Minas Gerais – Pesquisa das Condições de Saúde Bucal da População Mineira”, uma iniciativa da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais e da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). O levantamento visa identificar os problemas bucais mais frequentes na população para formular ações que contemplem prevenção, tratamento e reabilitação adequados à realidade das comunidades.

Moradores de 60 municípios mineiros serão abordados no inquérito epidemiológico. Serão feitos cerca de 100 exames em cada município, totalizando, aproximadamente, seis mil exames no Estado. Durante a pesquisa, o cirurgião dentista vai percorrer os bairros participantes e examinar, em domicílio, o morador que se interessar em participar voluntariamente do Projeto.

Estão aptas a participar do levantamento as pessoas com 5 e 12 anos e nas faixas etárias de 15 a 19, 35 a 44 e 65 a 74 anos. O voluntário deverá, também, responder um questionário, composto por perguntas subjetivas que vão ajudar na compreensão do processo saúde/doença bucal.Se o participante não estiver no domicílio no momento da visita do dentista, será programado retorno para realização do exame.

“Pedimos à população destes bairros que colaborem com o processo e recebam a equipe de trabalho. O grupo é formado por examinadora, anotadora e auxiliar, facilmente identificadas pelo uniforme da pesquisa. Ele percorrerá os setores para programar os exames”, afirmou Hebe Teixeira, coordenadora do Programa de Saúde Bucal, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

terça-feira, 15 de maio de 2012

Assistente Social



Imagem coletada no FB de Pedro Alves Fernandes

Prêmio Klunge


FHC receberá prêmio Klunge e US$ 1 milhão

Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos concederá ao ex-presidente do Brasil principal distinção para pesquisadores de humanidades, área não abrangida pelo Nobel

Leia em: agencia.fapesp.br

Maternidade Municipal e Vitória

Maternidade Municipal e Vitória: um ano de vida



Nesta semana, quando a maternidade do Hospital e Maternidade Municipal Doutor Odelmo Leão Carneiro completa um ano, fica uma pergunta: Como está Vitória, o primeiro bebê nascido no complexo?

Ela esta saudável e pesando 12 quilos para a alegria da mãe Cristiane Silva Matos, de 19 anos. A atendente de telemarketing estreou a Maternidade no Dia das Mães. “Comemorei a data em dose dupla com o nascimento da minha filha, num espaço que me atendeu de modo excepcional. É um orgulho ser a primeira mãe a ter dado a luz no Hospital. Sempre que a Vitória fizer aniversário, me recordarei daquele local que me acolheu tão bem”, disse a mãe.h

Atualmente, médicos pediatras, enfermeiros e técnicos de enfermagem se reúnem com as mães que acabaram de dar à luz em uma ampla sala na própria Maternidade para prestar informações sobre questões relacionadas ao cuidado com o recém-nascido. Este tipo de encontro acontece há dois meses, sempre às segundas, quartas e sextas-feiras, a partir das 16h.



Portal da Prefeitura de Uberlândia

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Atividade física

Atividade física garante bem-estar aos servidores municipais


Quem inclui exercícios aeróbicos ou de repetição na lista de atividades diárias consegue muito mais do que músculos definidos. A prática esportiva regular ajuda a prevenir doenças, melhorar o condicionamento físico e a saúde mental. O incentivo à busca destes benefícios é uma das principais premissas do Servidor em Movimento, projeto desenvolvido pela Prefeitura de Uberlândia.

Criado em 1999 e ampliado permanentemente desde 2005, o Servidor em Movimento tem uma programação com diversas atividades como palestras, aulas de ginástica aeróbica, hidroginástica e musculação.

“Algumas pessoas alegam que a falta de tempo, o stress, as lesões ou enfermidades são motivos para levar um estilo de vida sedentário. Para acabar com estes mitos e facilitar o acesso à saúde, instituímos o projeto para estimular novas atitudes, com foco na prevenção e reabilitação”, afirmou Neiva de Fátima dos Anjos, coordenadora do Núcleo de Acompanhamento de Pessoal, da Secretaria Municipal de Administração.



Portal da Prefeitura de Uberlândia

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Efeito protetor


Ter propósito na vida protege cérebro contra alterações associadas ao Alzheimer
Pessoas com objetivo na vida apresentam melhor cognição mesmo quando seus cérebros possuem acúmulo de placas e emaranhados

terça-feira, 8 de maio de 2012

Baculejo

Mais um baculejo, este em 04/05. Nossa equipe do Laboratório de Animais Peçonhentos e ação. Mais algumas dezenas de escorpiões capturados, proteção e mais segurança às gentes da área.

Clique nas fots para ampliá-las










segunda-feira, 7 de maio de 2012

Pomba

Crônica dedicada ao colega de trabalho de nosso Centro de Controle de Zoonoses/Secretaria de Saúde José Humberto Arruda
Boa Semana a todos
William


Quer ver o belo? Então saia de casa e olhe à sua volta. Quer ver o feio? Saia de casa também. Não tem que procurar muito. Está escancarado em todas as esquinas, nas ruas, nos muros, nas almas que perambulam fatigantes vida afora. Em andanças diárias, topo com rolinha, a pequena pomba nativa, genuinamente nossa, nada de interferências europeias em sua vida.

Estava a coitada a dar piruetas sobre a calçada de nobre bairro zona sul. Em um primeiro instante, cheguei a pensar na comum estratégia dessa ave, que, para despistar predadores de suas crias, simula fragilidade, como se estivesse machucada, atraindo assim para si potenciais inimigos. Este teatro, muitas vezes, funciona e leva o predador a mudar de alvo. Quando certeiro bote está para ser desferido, a esperta alça voo para segurança com a família. Cena bela de se ver.

Não era esse o caso. Aproximando da pequena, notei rubra cor misturada às suas penas. Sangue. Demorei a conseguir pegar o bicho que em mim via gigante pronto a terminar o mal feito. Apalpei suas penas e rápido notei o que parecia ser um furo de tiro. Carecia atendimento rápido.

Como estávamos em Quinta-feira Santa, ponto facultativo municipal, me vi em dilema, pois em casa não conseguiria tratar adequadamente da paloma e ela teria morte certa. Mas ligar para quem? Sofro de incapacidade de dirigir carros. Gosto de moto, mas estou terminantemente proibido de possuir uma pela família, e lá eles têm suas consistentes razões e argumentos. Assim, extremamente limitado, já pensei em avançar mais um pouco e voltar a dirigir, mas isso implicaria adquirir mais um carro, me meter no suicídio financeiro de financiamentos de 60 meses, para pagar algo que detesto. Entro nessa não. Vou me virando a pé, de favores, transporte coletivo ou táxi. Problema à vista, o plantão do Hospital Veterinário encerrava às 13h. Faltava pouco. Não ia conseguir. Amigos viajando, ligar para quem? Tentei corporações públicas. Não deram prosa.

Como por milagre, ainda com a pombinha nas mãos, dei com os valorosos agentes de controle da dengue em plena atividade. Aqui registro agradecimento público e especial ao coordenador destes guerreiros da saúde coletiva, José Humberto Arruda, que, após contato, enviou viatura para recolher o pequeno animal e entregá-lo ao competente departamento de animais silvestres, no Hospital Veterinário da UFU. Ficou em boas mãos, se salvará.

Destaco a generosidade e espírito público de Arruda. Em pleno feriado, mostrou postura proativa comparada às outras corporações que contatei, completamente perdidas na mesmice, na falta de iniciativa. Ou seria preguiça? Não agem centímetro além do que está escrito em seus velhos e obtusos manuais. Criaram-se profissionais compartimentalizados, vazios.

Seguramente tudo nesse mundo está interligado e tem consequências universais. Se levarmos ao pé da letra as contribuições dos modelos matemáticos de Edward Lorenz à Teoria do Caos, podemos facilmente concluir que a ação de um servidor público exemplar pode, facilmente, ter influenciado o curso natural das coisas. Quem sabe salvamos o mundo? E como anda por ai a dizer, impedimos do planeta acabar nesse 2012?

Pelo menos dessa joia da natureza é fato que salvamos. Quanto ao néscio “classe A” que atirou ou permitiu filho manusear arma de pressão, causa-me asco e, pois, quero a maior distância possível dessa insana crueldade.





Publicado no Jornal Correio em 5/5/2012

Para versão em PDF no 4shared, clique abaixo

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Vacinação contra a gripe


Dia “D” de vacinação contra a gripe sazonal ou comum será no sábado (5)

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai realizar no sábado (5), das 8h às 17h, o dia “D” de Vacinação contra a gripe sazonal ou comum. Podem receber a dose gratuitamente pessoas com mais de 60 anos de idade, crianças com mais de seis meses e com menos de dois anos, gestantes e profissionais de saúde.

É necessário levar o cartão de vacina para tomar a dose. Além das 60 salas de vacinação nas unidades municipais, haverá postos volantes no Terminal Central e Carrefour, Extra, na praça Tubal Vilela, no Centro e na praça Régis Elias Simão, no bairro Planalto.

Assim como no ano anterior, a vacina aplicada será a trivalente, que protege a população contra três tipos da gripe, incluindo a Influenza A (H1N1). “Os adultos e crianças imunizadas no ano passado receberão apenas uma dose. Já as crianças que serão vacinadas pela primeira vez receberão duas doses, com um intervalo de 30 dias entre as aplicações”, explicou a coordenadora do Programa Municipal de Imunização, Maria Aparecida dos Santos.

A meta da campanha de vacinação é imunizar 80% de todos os públicos-alvos, cerca de 86 mil pessoas. Após o dia “D”, a vacinação continua até o dia 25 de maio, nas unidades municipais de saúde, Carrefour e Terminal Central.

Fonte: Portal da Prefeitura de Uberlândia