Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





quarta-feira, 29 de maio de 2013

Artigo científico

Nossa querida amiga e ex-colega de SMS, Eugênia M.S. Rodrigues,  Gena, hoje militando na Organização Pan-americana de Saúde em Washington DC nos envia artigo científico de sua autoria sobre mortalidade entre usuários de motocicletas nas Américas.

Em inglês é claro. Caso ainda não saiba a língua de Edgar Allan Poe, de William Shakespeare, Paul McCartney, do pessoal do Jethro Tull   certamente está perdendo o melhor que a ciência mundial, as mais conceituadas fontes de  informação, as artes, em particular a literatura, teatro e cinema  está produzindo. Sempre é hora de começar a aprender e ampliar horizontes. Boa leitura.



Trends in fatal motorcycle injuries in the Americas, 1998–2010

Eugênia M.S. Rodrigues (a), Andrés Villavecesb, Antonio Sanhuezaa & José A. Escamilla-Cejudoa

Abstract

Injuries, disabilities and deaths among motorcyclists have been rising worldwide but what is happening in the American Continent is not completely known. Deaths from motorcycle crashes of the Pan American Health Organization database (PAHO/WHO, 1998–2010) were included in an ecologic multi-national study to quantify the temporal trends and to estimate the association between motorcycle riders’ deaths and selected socio-economic indicators. Mortality rates increased in all sub-regions. The highest increase was reported in the countries of the Andean sub-region (Ecuador, 78.3%) and Mesoamerica (Costa Rica, 60.0%). Poorer countries fared worse in terms of motorcycle mortality relative to richer countries, as did more unequal ones. Recent economic changes, rapid increment of motorisation rates, affordability of motorcycles over public transportation, lack of adequate public transportation policies and other insufficient measures aimed at improving safety can explain these trends.





Download full text