Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





terça-feira, 30 de julho de 2013

Semana da amamentação



O leite materno é considerado fundamental para o crescimento saudável de toda criança. O incentivo à amamentação no primeiro ano de vida faz parte do programa Saúde da Criança e do Adolescente da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Realizada em mais de 120 países desde 1998, em Uberlândia a Semana do Aleitamento Materno acontecerá entre os dias 1º e 7 de agosto. A Prefeitura apoia o evento que é realizado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O tema desta edição é “Aconselhamento” e visa a estimular as mães na amamentação com todo o suporte da rede e da família. A mobilização social desse tema acontece em determinadas unidades do Programa de Saúde da Família, com palestras, reuniões com gestantes, vídeo educacional, grupos de bate-papo, orientações e distribuição de material educativo nas salas de espera. Assistentes sociais, médicos e enfermeiros unem esforços para mostrar a técnica correta de amamentação e a importância da prática às pacientes da rede pública de saúde.

“É uma programação para orientar as mães sobre a importância do leite materno tanto para o bebê quanto para a mãe. Há um declínio na amamentação e por isso é importante o aconselhamento contínuo às gestantes e àquelas que já deram à luz”, explicou a pediatra e coordenadora do programa, Raquel Cazabona.

No Dia D da Semana de Aleitamento Materno (6 de agosto) serão ministradas duas palestras para profissionais da área da saúde no Anfiteatro do Bloco 2A, no Campus Umuarama da UFU, a partir das 14h30. A primeira é sobre o “Aconselhamento às mães que amamentam”, da pediatra do Centro de Lactação de Santos, Keyko Miyasaki Teruya. A segunda será ministrada pelo obstetra do Hospital Sofia Feldman, Edson Borges de Souza, de Belo Horizonte, com o tema “O papel do Obstetra na promoção e apoio à amamentação”. Ao final, os participantes debatem sobre as questões levantadas em uma mesa-redonda.

Vantagens da amamentação

O aleitamento traz inúmeras vantagens para o organismo da criança em relação ao leite de vaca ou artificial. O leite materno é capaz de evitar mais de seis milhões de mortes por ano no mundo e reduz as chances de morte por doenças respiratórias em quatro vezes. Além disso, o bebê que não é amamentado pela mãe, tem 60 vezes mais necessidade de internação hospitalar e 14 vezes mais possibilidades de óbito por diarreia.

Em relação a mãe, os benefícios também são enormes. Segundo a pediatra, o aleitamento previne cânceres de mama, ovário e útero, bem como evita a osteoporose e a depressão pós-parto. “Além disso, ajuda a mãe a parar o sangramento do útero após o parto e permite uma perda de peso mais rápida”, concluiu Raquel Cazabona.


Fonte: Portal da Prefeitura de Uberlândia