Secretaria Municipal de Saúde






Toda pessoa tem direito a um padrão de vida capaz de assegurar a si e a sua família saúde e bem estar, inclusive alimentação, vestuário, habitação, cuidados médicos e os serviços sociais indispensáveis, e direito à segurança em caso de desemprego, doença, invalidez, viuvez, velhice ou outros casos de perda dos meios de subsistência fora de seu controle.

Artigo Artigo XXV da Declaração Universal de Direitos Humanos



Saúde, Ciência, Pesquisa, Arte, Cultura, nossa gente da SMS, e o que mais possa interessar.



Organizado por William H Stutz

Veterinário Sanitarista

whstutz@gmail.com



Este Blog é independente, sem vínculo oficial com instituição alguma.
Todos
estão convidados a contribuir com informações de interesse coletivo.





segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Genes do envelhecimento

Cientistas tentam identificar genes-chave para o controle de funções vitais


Por Karina Toledo, de Londres

Agência FAPESP – Diversas funções vitais do organismo são controladas pelo sistema nervoso autônomo, entre elas os batimentos cardíacos, a pressão arterial e o balanço hidromineral (relação entre o volume de água e o teor de sódio). Mas, em grande parte das pessoas, esse controle deixa de funcionar adequadamente com o envelhecimento, o que aumenta o risco de problemas como desidratação, hipertensão e diversas outras doenças cardiovasculares.

Descobrir como o avanço da idade e certos hábitos de vida – entres eles o sedentarismo e o consumo excessivo de sal – afetam a expressão de genes em determinadas regiões cerebrais responsáveis por esse balanço autonômico é o objetivo de dois projetos que estão sendo conduzidos por pesquisadores brasileiros e britânicos no âmbito de um acordo firmado entre a FAPESP e os Conselhos de Pesquisa do Reino Unido (RCUK, na sigla em inglês).

Leia mais

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Asma em pediatria

Clique no poster para ampliá-lo



Fonte: Secom/PMU

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Reumatologia

Clique no carta para ampliar



Fonte: Secom/PMU

Videogame e TDAH

Videogame pode se tornar aliado no tratamento do TDAH

18/09/2013

Por Karina Toledo

Especialistas que tratam jovens com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) poderão, em breve, ganhar um aliado inusitado: o videogame.

Pesquisadores do Departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), em parceria com o departamento de Medicina Molecular da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e com a Duke University, dos Estados Unidos, estão desenvolvendo um jogo cujo objetivo principal é treinar, nos jogadores, o controle inibitório – habilidade cerebral responsável por frear respostas inadequadas a estímulos ambientais, que normalmente é falha nos portadores da doença.

“Quando o controle inibitório não está bem desenvolvido, muitos problemas podem acontecer, como abuso de substâncias, sexo sem proteção, brigas e acidentes”, explicou o neuropsicólogo Thiago Strahler Rivero, autor de pesquisa de doutorado apoiada pela FAPESP e orientada por Orlando Francisco Amodeo Bueno, docente do Departamento de Psicobiologia da Unifesp.

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Aplicativo do bem

Você conhece o aplicativo #vacinaçãoemdia? Nele, você pode cadastrar suas vacinas e de sua família. Baixe e mantenha a caderneta de vacinação atualizada. O aplicativo é gratuito e está disponível aqui: http://bit.ly/13P8AXl #zegotinha



Fonte: Ministério da Saúde

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Alerta de chuva

Defesa Civil alerta para a previsão de
 chuva forte em Uberlândia

A Defesa Civil de Uberlândia alerta sobre o risco de chuva forte e volumosa e rajadas de vento forte nesta terça-feira, 17 de setembro, em função de nuvens carregadas formadas pelo calor intenso e o deslocamento de uma frente fria sobre o Sudeste e Centro-Oeste.

Em caso de temporal, a população deve evitar transitar em áreas de risco de inundações e alagamentos, como as avenidas Rondon Pacheco, Getúlio Vargas, Minervina Cândida e partes da Anselmo Alves dos Santos e João Naves de Ávila, no Santa Mônica.

Fonte: Portal da nossa Prefeitura de Uberlândia

Monitoramento de vacinas

Saúde faz monitoramento das vacinas Pneumo 10 e Meningocócica C

A Secretaria Municipal de Saúde inicia nesta segunda (16) o monitoramento das vacinas Pneumocócica 10-valente e a conjugada Meningocócica C em Uberlândia. O trabalho é feito por amostragem pelas equipes das 64 salas de vacinas distribuídas em todos os setores da cidade. Cada equipe será responsável por visitar 25 residências com crianças menores de cinco anos de idade, que já tenham completado seis meses de vida.

“Com este levantamento será possível definir a frequência que os pais têm levado os filhos aos postos de vacina, de acordo com o calendário básico infantil”, disse o secretário municipal de Saúde, Almir Fontes. A Pneumocócica 10 (pneumo10) é aplicada em três doses no segundo, quarto e sexto mês de vida da criança. Também é previsto uma dose de reforço aos 12 meses. Já a Meningocócica C (meningite) é aplicada em duas doses no terceiro e quinto mês de idade, sendo previsto um reforço com 15 meses de vida.

Para realização do monitoramento, os pais ou responsáveis devem ter em mãos a caderneta de vacinação que ateste a situação da criança. Caso alguma dose da pneumo 10 ou da meningite C estiver em atraso, os agentes terão uma dose para imunização imediata. As ações serão realizadas nas residências até o dia 20 deste mês.

Fonte: Portal de nossa Prefeitura de Uberlândia

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Urutu para o bronze

Proteína do veneno da serpente urutu pode ser benéfica para o coração

16/09/2013

Por Karina Toledo

Testes in vitro feitos na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) indicam que a alternagina-C (ALT-C) – uma proteína extraída do veneno da serpente urutu (Bothrops alternatus) – é capaz de aumentar a força de contração cardíaca e tem potencial farmacológico a ser explorado.

A proteína está sendo testada no miocárdio de camundongos e de peixes durante o pós-doutorado de Diana Amaral Monteiro – com Bolsa da FAPESP – sob a supervisão do professor Francisco Tadeu Rantin e colaboração de Heloisa Sobreiro Selistre de Araújo e Ana Lúcia Kalinin.

Resultados preliminares foram apresentados por Monteiro durante a 28ª Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FeSBE), realizada em agosto em Caxambu (MG).

“Se os resultados positivos se confirmarem em futuras etapas, essa proteína poderá ser útil no tratamento de doenças como insuficiência cardíaca, infarto e isquemia crônica do coração”, afirmou Monteiro.


sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Censura e liberdade de expressão

Censura e liberdade de expressão são temas de curso a distância


Agência FAPESP – O Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura da Universidade de São Paulo (Obcom/USP) e o Centro de Investigação Media e Jornalismo da Universidade Nova de Lisboa (Cimj/Nova), de Portugal, estão com as inscrições abertas, até o dia 13 de setembro, para o curso de atualização universitária “Censura e Liberdade de Expressão em Debate”.

O curso será gratuito e seguirá um modelo híbrido de ensino a distância – com aulas presenciais na USP e na Universidade Nova de Lisboa, além das virtuais – e permitirá o intercâmbio cultural entre os professores e alunos do Brasil e de Portugal.

Leituras fundamentais, explanação dos pesquisadores e debate com os estudantes são as atividades programadas para o curso. Os alunos participarão de fóruns de debates e poderão esclarecer dúvidas sobre os trabalhos.

Assuntos como “A importância da liberdade de expressão na atualidade”, “Controle e Poder” e “Revolução tecnológica e desregulamentação das profissões” são alguns dos temas que serão abordados nos fóruns de discussão.

Há 30 vagas – metade para cada país. A carga horária do curso será de 43 horas, com início em 1º de outubro e término em 30 de novembro. Ao final, os participantes receberão certificado de conclusão.

As inscrições devem ser feitas pelo link https://docs.google.com/forms/d/11X6lR4MRrtglL_-veizMzx3PF7cKg9X34Ary1OHdQW8/viewform


Mais informações http://obcom.nap.usp.br/curso-ead-censura-e-liberdade-de-expressao

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Lesões em idosos

Três idosos são internados a cada hora em São Paulo devido a lesões causadas por queda

Flávia Albuquerque
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – Três idosos são internados por hora em hospitais públicos do estado de São Paulo em decorrência de lesões causadas por quedas, de acordo com levantamento feito pela Secretaria Estadual da Saúde. Segundo os dados, em 2012 houve 27.817 internações de pessoas com 60 anos ou mais em serviços hospitalares do SUS (Sistema Único de Saúde). Do total, 60% das internações foram de mulheres com mais de 60 anos.

De acordo com o geriatra e coordenador médico do Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia (IPGG), unidade de saúde instalada na zona leste da capital paulista, Anderson Della Torre, o número é maior em mulheres, pois as idosas tendem a ser mais ativas e possuem menos massa muscular do que os homens. “Normalmente, as mulheres também são mais atingidas pela osteoporose, apesar de a doença também atingir os homens”.

Segundo Della Torre, 3,7% dos idosos entre 60 e 69 anos cai uma vez por ano, enquanto essa porcentagem chega a 7% para a faixa de 70 a 79 anos. Já entre os maiores de 89, 27% têm pelo menos uma queda ao ano. “O número de quedas é elevado, por isso há muitas internações. É muito comum que eles sofram lesões ósseas que os levem à imobilidade momentânea ou mesmo à dependência, posteriormente”.

Della Torre destacou que o uso de medicamentos e o comportamento dos idosos também podem ser apontados como causadores de quedas. Idosos mais ativos, que tendem a realizar atividades principalmente dentro de casa, possuem maior risco. “Um dos maiores motivos de quedas em idosos é a falta de equilíbrio e a perda de massa muscular, que ocorrem naturalmente com o avanço da idade”, explicou.

Por isso, o médico alerta sobre a importância da fisioterapia para fortalecer a musculatura e reforçar o equilíbrio. “Essa intervenção vai gerando confiança na marcha. É preciso gerar confiança, para que o idoso volte a andar com tranquilidade, porque depois de um tombo ele pode desenvolver um medo de quedas e acabar se isolando”.

Ao desenvolver o medo de cair, o idoso pode piorar sua situação. “Ele limita sua vida e assim, para de fazer atividade física, porque diminui a massa muscular por falta de exercício. Para de fazer as coisas que fazia, diminui sua exposição à vida social e isso leva à depressão, que muitas vez precisa ser tratada com medicamentos”, disse Dalla Torre.


quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Junk food

Foto: Marcello Casal JR/ABr

A Comissão de Assuntos Sociais do Senado (CAS) aprovou, nesta quarta-feira (21), o projeto de lei que proíbe cantinas e lanchonetes instaladas em escolas de vender bebidas com baixo teor nutricional, como os refrigerantes, ou alimentos com quantidades elevadas de açúcar, de gordura saturada, de gordura trans ou sal.

O (PLS 406/2005) modifica o Decreto-lei 986/69, que institui normas básicas sobre alimentos, para proibir a comercialização desses produtos nas cantinas escolares. A proposta aprovada também altera o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA - lei 8.069/90) para determinar que o Sistema Único de Saúde (SUS) desenvolva ações de educação nutricional, promoção de alimentação saudável, bem como de prevenção e controle de distúrbios nutricionais e de doenças associadas à alimentação e nutrição de crianças e adolescentes.

Pelo substitutivo, os estabelecimentos que não observarem a determinação, serão punidos de acordo com a legislação sanitária, bem como não poderão ser licenciados nem terem alvarás renovados.

A CAS também aprovou a rejeição de três emendas apresentadas pelo senador Romero Jucá (PMDB-RR), que visavam apenas restringir, em vez de proibir, a comercialização desses produtos nas cantinas escolares.

Outra emenda do senador Jucá, também rejeitada pela comissão, previa que a definição do que sejam bebidas de baixo teor nutricional e alimentos com quantidades elevadas de açúcar, de gordura saturada, de gordura trans ou de sódio seria feita com fundamento em critérios cientificamente comprovados e validados por organizações internacionais de proteção à saúde. A proposta aprovada exige que tal definição seja feita por regulamento da autoridade sanitária.

O assunto é discutido no Congresso há quase oito anos. O projeto segue agora para apreciação da Câmara dos Deputados.

Fonte  Agência Brasil

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Portal SPB

Ministério do Planejamento assina acordo de cooperação com UNIVASF para apoiar Portal SPB

O objetivo é promover ações em prol de melhorias no Portal do Software Público Brasileiro

Desenvolver ações para fortalecer, divulgar e ampliar o Portal do Software Público Brasileiro (SPB). Este é o objetivo do acordo de cooperação técnica assinado entre o Ministério do Planejamento (MP) e a Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF). A formalização da parceria foi publicada na última segunda-feira, 2, no Diário Oficial da União.

Entre as ações programadas, estão o trabalho colaborativo sobre os softwares existentes no SPB, a organização de eventos de divulgação de Software Livre no Brasil e exterior e a divulgação de projetos executados na universidade no portal. Além disso, os softwares públicos serão utilizados em atividades de ensino, pesquisa e extensão. Os alunos e servidores da UNIVASF participarão dos projetos mantidos pelo sítio.

A iniciativa já conta com ações iniciais como a oferta, pelo curso de Engenharia da Computação, de um Núcleo Temático Multidisciplinar com o tema Software Público Brasileiro. Este núcleo é uma componente curricular obrigatória para todos os alunos da UNIVASF e prevê atividades de ensino, pesquisa e extensão dentro da temática apresentada.


quarta-feira, 4 de setembro de 2013

‘Caça’ a animais peçonhentos

Vigilância Epidemiológica promove ‘caça’ a animais peçonhentos

Escorpiões e aranhas estão sendo recolhidos para a produção de soro profilático. Em um único dia equipe do Butantã captura 600 aranhas-marrons na zona rural.

Para atender solicitação da Secretaria Municipal da Saúde, estiveram em Araporã, do dia 26 a 29 últimos, autoridades e técnicos sanitaristas de Uberlândia, de Goiânia e de São Paulo. Eles vieram capacitar uma equipe de agentes de endemias do município e promover a coleta de animais peçonhentos como o escorpião e a aranha-marrom, os campeões de picadas venenosas no Brasil, cuja incidência maior ocorre no Estado de Minas Gerais segundo o médico veterinário sanitarista William Stutz, responsável pelo Laboratório de Animais Peçonhentos da Secretaria de Saúde de Uberlândia.

Coordenada por William Sfutz que se fazia acompanhar de 2 agentes do controle de zoonoses, a busca ativa do escorpião assim como a educação ambiental da população visitada contou com a participação de representantes do Lacem – Laboratório de Endemias de Goiânia e técnicos em zoonoses de Itumbiara, Centralina e Canápolis, além do pessoal do Departamento de Vigilância Epidemiológica de Araporã. Cerca de 30 pessoas participaram dos trabalhos na sede do município e na zona rural. “Sinto-me extremamente encantado diante da iniciativa da secretaria da Saúde de Araporã e de toda equipe de zoonoses em ter ido buscar ajuda externa e em manter o trabalho”, disse o Dr. William ao ser indagado pelo jornal DAQUI
sobre sua avaliação da atividade.

A vitória da razão

O filósofo italiano Norberto Bobbio (1909-2004) é, atualmente, uma referência para a ciência política e social, embora no Brasil, assim como na Itália, tenha ficado inicialmente conhecido por suas reflexões sobre Teoria Geral do Direito.

Foi um autor prolífico, atento ao funcionamento dos sistemas políticos democráticos e à dinâmica das relações internacionais, e um defensor obstinado dos Direitos Humanos e da paz.

Celso Lafer, professor emérito do Instituto de Relações Internacionais (IRI) da Universidade de São Paulo (USP) e presidente da FAPESP, autor do livro Norberto Bobbio: trajetória e obra, recentemente lançado, destaca à Agência FAPESP aspectos que considera centrais no pensamento do autor.

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Araporã

Araporã, tornou-se "capital" de Minas Gerais no manejo de 
animais peçonhentos por uma semana

Altamente produtiva a semana de capacitação. Técnicos das Secretarias de Saúde de Araporã, Canápolis, Centralina e Itumbiara puderam participar de aulas teóricas e práticas sobre manejo de aranhas ministradas por técnicos do Instituto Butantan, conheceram o perfil do escorpionisno no Brasil em preleção de Técnico do Lacen-GO e claro, aulas teóricas e práticas sobre controle de escorpiões.
Também colega do Prata MG, José Abel Catuta, nos auxiliou de maneira perfeita nas atividades de campo.

 Receptividade ímpar





Aula teórica Marcelo Santalúcia - LACEN GO


Aula teórica Paulo André Margonari - Instituto Butantan - SP


Aula teórica William H Stutz - SMS Uberlândia


Coleta de aranhas - Prática de campo






Coleta de escorpiões - Prática de campo







Monitores